Guia de Encontros

O que fazer para o primeiro encontro não ser um desastre

Deixamos aqui algumas dicas para você superar os seus nervos e controlar-se para que possa construir um novo relacionamento e forjar uma grande conexão.

Muito bem! Conseguiu marcar um encontro no chat do Hotcupid. E agora? O primeiro encontro pode ser um grande quebra-cabeças. Algumas pessoas encaram-no com mais tranquilidade, mas a norma é mesmo a ansiedade. É natural que se preocupe sobre como será a outra pessoa e também sobre se ela irá gostar ou não de si.

1. Foco para fora, não para dentro

Tente desvalorizar os nervos do primeiro encontro; para fazer isso, concentre a sua atenção para fora, ao invés de a concentrar para os seus pensamentos e sentimentos. Tente estar plenamente presente no momento: no que a outra pessoa está a dizer e a fazer e no que está a acontecer ao seu redor. Isso ajudará a tirar da sua mente dúvidas, preocupações e inseguranças. Basicamente, ignore o que se passa dentro de si e valorize o que está a acontecer fora.

2. Demonstre interesse

A melhor maneira de se conetar com alguém que ainda é uma desconhecida é mostrar interesse genuíno. Quando tem realmente interesse sobre os pensamentos, sentimentos, experiências, histórias e opiniões da outra pessoa, ela percebe isso – e irá gostar de si. Você acabará por parecer muito mais atraente e interessante do que se estiver apenas a falar de si. Mas atenção: curiosidade equilibrada, não faça com que a pessoa se sinta num interrogatório da Polícia Judiciária!

3. Sem fingimentos

Não pode apenas fingir que mostra interesse na outra pessoa. Se estiver apenas a fingir ouvir ou importar-se, ela perceberá, dado que o nosso inconsciente sempre apreende muitíssimo bem o mundo exterior. Ninguém gosta de ser manipulado. Ao invés de ajudá-la a conetar-se consigo e tentar fazer uma boa impressão, os seus esforços provavelmente serão contraproducentes. Se não está genuinamente interessado na outra pessoa, simplesmente não siga com o relacionamento adiante.

4. Preste atenção

Faça um esforço para realmente ouvir a outra pessoa. Ao prestar atenção no que ela diz, faz e como ela interage consigo, você irá rapidamente conhecê-la. As pequenas coisas importam muito, como lembrar as suas preferências, as histórias que lhe contou e o que está acontecendo na sua vida. Mesmo que seja uma pessoa distraída no geral, isso deve-se apenas à falta de foco e concentração, e também ao detalhe supramencionado de estar mais preocupado com os seus pensamentos e sentimentos do que com o mundo exterior e com a pessoa com quem está. Esteja presente.

5. Desligue o telemóvel

Meu amigo, você não pode realmente prestar atenção a alguém ou forjar uma conexão genuína se estiver também concentrado no seu telemóvel. A comunicação corporal – gestos sutis, expressões e outras dicas visuais – dizem-nos muito sobre o que está acontecendo na cabeça da outra pessoa e como ela nos está a perceber e a responder. É muito mais fácil estar concentrado nessa linguagem corporal se não estiver regularmente a mexer no telemóvel.